O estudo da Cultura Material

O que é Arqueologia ?

Literalmente a palavra arqueologia quer dizer o "estudo de coisas antigas". Porém o termo arqueologia hoje abarca uma série bem ampla de significados que incluem os vários usos da disciplina em diversas temáticas. Walter Taylor em 1948 disse: “Arqueologia não é nem história nem antropologia. Como uma disciplina autônoma, ela consiste em uma série de técnicas especializadas para a produção de informação cultural.” Porém, para mim arqueologia passa de uma técnica, e constitui um corpo teórico-metodológico em si, com um objeto de estudo bem definido: a cultura material.

 Ou seja, Arqueologia é o estudo da materialização da cultura de sociedades passadas através de objetos, estruturas e paisagens. 

Operacionalmente a arqueologia tem se tornado uma forma de estudo das sociedades humanas passadas e de seus respectivos meio-ambientes. Através de uma ação de recuperação e análise sistemática da cultura material ou remanescentes físicos destas sociedades. O objetivo primário tem sido encontrar, coletar, analisar e classificar o material arqueológico; depois descrever e interpretar os padrões de comportamento que levaram a sua criação; e finalmente explicar ou desenvolver um entendimento das razões por trás desses comportamentos.

 

O que é Sitio Arqueológico?

O sitio arqueológico é qualquer lugar de interesse arqueológico onde: objetos, estruturas ou algum produto natural modificado ou manufaturado por humanos é achado. Um sito pode variar desde uma área de coleta de matéria-prima até um espaço de permanência fixa de um grupo.

 

O que os arqueólogos fazem?

 Arqueólogo é quem estuda o passado usando o método arqueológico e no contexto de uma estabelecida teoria arqueológica. Com o objetivo de coletar, interpretar e entender antigas culturas e o que elas produziram.

 

 Texto baseado em: Darvill, Timothy. The Concise Oxford Dictionary of Archaeology, 2003.